Notícias

O primeiro passo para a Associação Epongoloko Lyukãy

No dia 20 de agosto, o grupo Epongoloko Lyukãy (Mudança da Mulher) realizou a 2ª Assembleia Geral para se decidir o futuro do grupo. Na ordem de trabalhos estava contemplada uma palestra sobre o associativismo e cooperativismo e a votação em plenário para se decidir se o grupo se transforma numa associação ou numa cooperativa.

Fizeram-se presentes 15 senhoras oriundas dos 4 grupos de formação anual que o projeto Epongoloko Lyukãy já facilitou, estando também representado o conselho consultivo nas pessoas de Manuel Adão, professor e responsável do projecto de alfabetização, e a Enfermeira Generosa Baptista, representante do Grupo Comunitário.

AG Epongoloko Lyukay

Após uma palestra sobre Associativismo e Cooperativismo dada pelo Professor Gil Tomás, ex-director da ADRA (Ação para o Desenvolvimento Rural e Ambiental), o grupo teve oportunidade de expressar a sua opinião sobre o que achavam que este grupo Epongoloko Lyukãy poderia vir a ser.

Após uma troca de impressões e argumentos, foi com 11 votos a favor que se decidiu constituir uma Associação no Bairro da Graça com o intuito de enaltecer e emancipar a mulher. Assim sendo, deu-se o primeiro passo para o Epongoloko Lyukãy passar a ser não só um grupo de mulheres empreendedoras mas uma referência para a construção da comunidade local feminina no bairro da Graça.

O projeto Epongoloko Lyukãy é financiado pela Deloitte no âmbito da 4ª edição do PACT Fund.